Hortie volta a aceitar pedidos, mas algumas verduras continuam indisponíveis

A greve dos caminhoneiros afetou o fornecimento dos produtos da Hortie desde sexta-feira, 25 de maio. Embora o abastecimento no Ceagesp esteja voltando ao normal, alguns produtos ainda não têm previsão para voltar ao catálogo da Hortie. Este é o caso das verduras, em especial as folhas como alface, manjericão, espinafre e outras. Os demais produtos já estão disponíveis normalmente para pedidos no site.

A manifestação, iniciada na segunda-feira, dia 21 de maio, teve como principal motivação as recorrentes altas dos preços dos combustíveis. Caminhoneiros por todo o país fizeram paralisações e na capital paulista não foi diferente. Algumas das principais vias de São Paulo foram interditadas ao longo da última semana como parte dos atos dos grevistas e, além disso, pelo fato de a categoria estar parcialmente paralisada, o transporte de mercadorias pelas estradas brasileiras foi afetado.

No Ceagesp, o centro de distribuição de frutas, legumes e verduras, a falta de produtos já pôde ser percebida desde a última quarta-feira (23), se intensificou na sexta e continuou no começo desta semana. Os principais alimentos afetados, no primeiro momento, foram as verduras, em especial as folhas como alface, rúcula, manjericão, entre outros.

Nesta terça-feira, contudo, a Hortie recebeu mensagens de seus fornecedores avisando que o abastecimento do Ceagesp começa a ser normalizado a partir de amanhã, 30 de maio. Desta forma, a Hortie volta a receber pedidos normalmente, embora ciente que ainda poderá haver algumas faltas de produtos nos próximos dias.

Clientes que fizerem pedidos nos próximos dias serão informados diretamente caso a Hortie não consiga atendê-los. De qualquer forma, nos colocamos à disposição por meio de nossos canais de atendimento para eventuais dúvidas em relação à disponibilidade de produtos.